2020 Duas Quintas Branco

Castas: Rabigato (60%), Viosinho (20%), Arinto (15%) e Códega do Larinho (5%).
Enóloga: Teresa Ameztoy.
Notas de Prova: Vinho límpido e brilhante, cor amarela pálida. Expressivo no nariz, com notas a citrinos maduros como o limão. Depois de agitar surgem outros aromas como pêssegos e damascos, mas sempre com uma sensação fresca de fundo. Na boca entra cheio e são as frutas mais maduras que chamam à atenção. O final é longo com uma frescura mineral que equilibra o vinho na perfeição.

13.65

Availability: Em stock

Vinificação: A data de vindima de cada parcela é decidida depois de sucessivas provas de uva no campo. Após a decisão tomada, as uvas são vindimadas manualmente e transportadas para o centro de vinificação, separadas segundo a casta e a parcela. Segue-se uma maceração de cacho inteiro a frio por um período de, aproximadamente, 24 horas. As uvas frescas são prensadas suavemente e o mosto é transferido para as cubas subterrâneas, onde é feita a decantação. Segue-se assim o acerto da turbidez do mosto e dá-se início à fermentação. Cerca de 90% do vinho fermenta e estagia em cubas de inox e os restantes 10% em cascos de carvalho francês e austríaco de diferentes capacidades. Durante todo o estágio os vinhos são trabalhados com as borras. O Duas Quintas Branco 2020 foi engarrafado em Maio de 2021.

Sugestões: Acompanha bem peixe grelhado ou pratos de marisco. Ideal como aperitivo ou a acompanhar um queijo de cabra. Armazenar em posição horizontal, em local fresco e seco, ao abrigo da luz e de oscilações de temperatura. Servir à temperatura de 12ºC a 14ºC. Consumir com moderação.

Prémios e Recomendações
2020
Wine Spectator, Gillian Sciaretta, EUA | 88/100 PTS, “This medium-bodied white shows good focus, with integrated, firm acidity accentuating the white pepper and heather details that flank the lemon oil, peach and white tea flavors. Mineral-driven finish. Rabigato, Viosinho and Arinto. Drink now through 2022. 14,500 cases made, 100 cases imported.”

2019
Wine Enthusiast, Roger Voss, EUA | 88/100 PTS, “Crisp and fruity, this apple and lemon-flavored wine is poised, with a creamy, rich texture. It has great fruitiness as well as touches of spice and minerality. Drink the wine now.”
Robert Parker – Wine Advocate, Mark Squires, EUA | 87/100 PTS, “A bit delicate, this still has beautiful fruit. It is fresh, ripe and lively. It’s a remarkably consistent value in Douro. Despite its lighter style, typically and definitely in this year, it ages reasonably well. It always seems to do well no matter the vintage, and the price is dirt cheap. It’s a fresh white you can drink on its own, not a powerhouse that holds up to food. To some extent, it has a Vinho Verde vibe (the good ones, of course). For the moment, at least, it is worth leaning up on this again. That doesn’t guarantee that it stays at peak for all of its useful life, but it is glorious in its freshness just now. Plus, it is hardly shy of fruit flavor, however subtly. You can’t ever go wrong with this bottling for an inexpensive summer refresher. Just drink it young for best results, no matter how long it theoretically holds.”
Revista Adega, Christian Burgos, Brasil | 90/100 PTS, “Corte de Rabigato, Viosinho e Arinto. Muito bom vinho. Amplo e fresco, guloso com muito pêssego maduro com um toque de caldas e ainda assim muito equilibrado.”
Revista de Vinhos, Portugal | 16,5/20 PTS, “Aromas frescos, fruta citrina, percebendo-se a frescura, toque floral, bem equilibrado. Sabor seco, acidez presente, refrescante, frutado e floral com bom corpo e final apetecível. Ideal para dias de Verão com grelhados ou pratos vegetarianos.
Revista de Vinhos, Portugal | Selo Boa Compra

2018
Mundus Vini Spring Tasting, Alemanha | Prata
Vinhos Grandes Escolhas, Luís Ramos Lopes, Portugal | 16,5/20 PTS, “Uma bela edição desta marca duriense, com fruta muito bonita e expressiva, ananás, citrinos, flores silvestres. O ano seco e quente está vincado no corpo volumoso, mas a acidez mantém-se vibrante e fina, dando muita frescura e prolongamento ao conjunto. Um valor sempre seguro.”

2017
Jancis Robinson, Richard Hemming MW, Reino Unido| 16,5/20 PTS, “Lovely salty, white stone fruit on the nose and palate. Medium-full body, fleshy mouthfeel, refreshing acidity – this is a great advert for how the Douro gets such freshness and flavour ripeness into one glass.”

error: